Atenção:

Este Blog está encerrado

Darei continuidade aos Trabalhos, textos e atendimentos pelo Blog:


Obrigado, muita paz e luz e desculpe o transtorno !
Conheça, solicite:

Siga Despertar de Gaia no Facebook

Translate this Blog

27 de abr de 2013

Anjos e Demônios



Por Petra Margolis

Muitos acreditam em anjos e os veem como seres de alta frequência, auxiliadores e amorosos, que estão por perto e nos orientam; mas muitos veem o modelo de demônio como seres de baixa frequência que na maior parte do tempo eles ou não acreditam ou tentam ignorar e dizem para si que se estiverem iluminados o suficiente, eles não podem ser prejudicados.

Muitos não têm experiência real com qualquer um desses chamados demônios ou seres escuros.

Muito nem estão no radar desses seres, pois sua luz não é suficiente para fazer com que os seres escuros até pensem neles.

Estes chamados "seres escuros" podem provocar muitos danos se você não estiver acostumado a trabalhar com as chamadas energias escuras, sim, você terá de usá-las também, pois muitos desses seres nem são menos desenvolvidos e nem são de baixa frequência na maior parte do tempo.

Nós temos uma história da Bíblia em que Lúcifer é visto como um anjo caído. Se você tem um anjo caído, você pensa que por cair, a consciência dele é diferente daquela que ele tinha como um anjo, você pensa que a luz dele é de frequência inferior?

Você pensa que ele de repente virou um ser burro de baixa frequência que você pode despachar com alguma luz?

Muitos desses seres são muito mais desenvolvidos do que a maioria dos humanos, afinal muitos têm muito mais tempo como seres conscientes, conscientes das energias, de como trabalhar com as energias e de como manipular as energias.

Pensar que eles somente podem utilizar a chamada escuridão ou frequências mais baixas é um tipo de ilusão que muitos adotaram, pois pensam que por focalizar-se em qualquer coisa escura atrairá a escuridão.

Na verdade, é por focalizar-se mais e mais na luz que você atrai a escuridão e você terá que começar a lidar com ela num momento, pois ela é algo que torna você mais poderoso e mais perigoso para os chamados "escuros".

Agora, não há necessidade de medo se você souber como lidar com eles e souber como trabalhar com as energias mais escuras também, pois apenas a luz nem sempre os fará ir embora.

Algumas, de fato, se alimentam com a luz que você porta, então, trazer mais luz apenas atrairá mais delas.

Acho meio surpreendente que mais e mais estão apresentando essas histórias sobre como eles veem todas essas realidades multidimensionais maravilhosas, sem ver esses seres também, pois muitos desses seres estão presentes em muitas dimensões, não apenas nas dimensões inferiores como a maioria pensa.

Todos nós ouvimos sobre as mudanças que foram feitas na realidade física, como a cabala escura, ou os escuros, conseguiu controlar partes desta realidade.


Nós sabemos como a nossa capacidade de ver além da realidade física é influenciada pelo controle dos humanos: implantes, limitações colocadas na Terra, ao redor da Terra, dentro do nosso corpo físico, dentro de nossos corpos de energia, mudanças em nosso DNA e mais.

Alguém realmente pensa que esses seres de nível inferior são inteligentes o suficiente para fazer tudo isso?

Alguém realmente pensa que se você apenas se focalizar no coração e se tornar mais iluminado, mais amoroso e mais compassivo, todas essas limitações desaparecerão?

Você realmente pensa que aqueles que têm nos controlado, os humanos, de muitos modos não pensaram nisso, não veem o movimento de mais humanos começando a se tornar conscientes, tornando-se mais abertos para sua realidade espiritual e tornando-se mais iluminados?

Qualquer um que pense que os escuros não podem fazer nada porque estamos nos tornando mais conscientes ou iluminados está sonhando.

Os mestres ascendidos sabem e estão nos ajudando, mas como não muitos estão realmente abertos para receber esta informação, tudo em que eles podem focalizar é para você se tornar mais consciente e esperam que você descubra.

Mas o trabalho deles é difícil, pois há muitas realidades dimensionalmente diferentes que foram criadas ao redor da Terra pelos chamados escuros, e a maioria dos humanos que estão se conscientizando perambulam nessas realidades criadas.

Essas realidades criadas pelos chamados escuros não têm nenhum indício de escuridão dentro delas.

Agora muitos dizem: os mestres podem destruir isso a qualquer momento, eles podem afastar os escuros, removê-los do planeta.

Tal como nós temos livre arbítrio, os mestres têm livre arbítrio e os escuros têm livre arbítrio. Eles são autorizados a criar, tal como nós somos autorizados a criar.

O único problema que nós temos "é" que a criação é um processo que é influenciado, goste ou não, pelos outros que também estão criando dentro desta realidade.

Podemos derrotá-los?
Claro que sim.

Mas nós não os derrotaremos por ignorá-los, e sim por assumi-los com força total e de algum modo anular tudo que eles criam. Mas isto exige que nós estejamos realmente conscientes, que realmente saibamos como trabalhar com as energias e trabalhar com toda energia.

Eles usam todas as energias, todas as cores e todas as frequências. E se nós somente utilizarmos parte das energias, nós jamais conseguiremos derrotá-los. Agora, isto não significa que você tem que colocar seu foco total nas chamadas energias escuras ou inferiores.

Você terá que ser capaz de navegar entre e dentro de todas as energias. Esta é a ideia de ser um criador, um ser totalmente consciente.

E começa do solo para cima, pois a realidade que realmente precisa mudar, claro, é a nível do solo, a nível terreno. Assim que você se torna mais consciente das realidades multidimensionais, é importante descobrir se você está realmente nessas realidades multidimensionais, ou se você está em outra ilusão.

Isto me reporta à crença comum sobre o centro do coração, entrar pelo coração no portal secreto do coração e viver a partir do coração.

Ele é um bom lugar para começar, mas em um momento, você terá que perceber que tudo que está dentro do coração está ao seu redor, pois tudo está dentro de você.

As pessoas estão experimentando universos no centro do coração, o que você está experimentando são exatamente as mesmas realidades que também são vistas ao seu redor a partir da mente humana.

É por isso que a mente e o coração trabalham juntos, pois às vezes é difícil fazer qualquer sentido do que você vê dentro de você já que também está ao seu redor como um humano.

A mente humana terá que ser treinada para se tornar conhecedora do mundo espiritual também. Não é fácil, pois a mente humana é treinada para ver somente o mundo físico e o mundo espiritual é ignorado muitas vezes como não real.

Nós treinamos a mente humana para não ver o mundo espiritual, nós limitamos a mente humana de muitos modos, assim como as limitações são colocadas dentro de nós que não permitimos que a mente humana e até os olhos humanos vejam o mundo espiritual real.

É por isso que trabalhar e ser capaz de trabalhar com energias está se tornando mais e mais importante, pois é isto que nos permite ver quais limitações estão em nossas energias, e ver e aprender como remover essas limitações, pois elas estão enraizadas em nossas energias, e na maior parte do tempo, apenas parecem fazer parte de nossa própria energia.

Se você não consegue ver e saber o que é seu e o que não é, você não pode mudar nada, você não pode remover quaisquer limitações que estão bloqueando você e muitos outros na Terra de ver por todas as realidade.

As limitações não desaparecem por tornar-se mais iluminado, ou por atingir uma frequência mais alta, algumas podem desaparecer, mas muitas fazem parte e têm sido parte de nossos corpos de energia por um tempo muito longo, tão longo que elas parecem ser nossa própria energia ou tornaram-se parte de nossa própria energia.

Estas coisas que muitos pensam que irão embora, não são importantes para eles: se você não se focalizar, apenas ignorar, apenas pensar que não está aí, então não estará aí.

Este mundo em que vivemos é um mundo de energia, ele não é realmente físico, e a mente não é o que move ou cria alguma coisa, é a nossa energia que move energia.

A mente é uma ferramenta para se tornar consciente como um humano, a mente é a ferramenta que nos permite ver as energias, a mente é uma ferramenta que pode nos dirigir como humanos em como trabalhar com as energias como um humano.

Mas isso só funciona se você puder ver as energias, conhecer as energias, saber como trabalhar com as energias e isso significa que você terá que ter conhecimento de todas as energias, todas as frequências.

Este é o conhecimento que está contido nas partes superiores de nosso ser, mas nós não receberemos este conhecimento por ignorá-lo, pensando que ele não está aí.

A criação envolve ser capaz de trabalhar em todas as circunstâncias, com todas as frequências de energia.

Se você ignorar o básico, você jamais será capaz de usar totalmente as capacidades criativas que estão dentro de todos nós.

De uma fonte para outra
Petra Margolis  

 http://www.ascendedmasters.org/  


 Viste meu outro Blog: 

...
Leia Mais ►

O Poder da Água



O Poder da Água
Pelo Espírito André Luiz

O MAGNETISMO DO BANHO - O PODER DA ÁGUA

O contato da água no corpo provoca um estímulo magnético que percorre todo o organismo, deixando-o calmo, e preparando-o para o sono reparador ou para as lutas de cada dia. 

O banho diário, quando encontra na mente apoio, torna-se um passe. 

Além das virtudes curativas da água, enxertar-se-ão fluidos magnéticos, de acordo com a irradiação da alma.

A disciplina dos pensamentos é uma fonte de bem-estar na hora da higiene do instrumento carnal.

No instante do banho é preciso que se entenda a necessidade da alegria, que nosso pensamento sustente o amor, até um sentimento de gratidão à água que nos serve de higiene.

Visualize, além da água que cai em profusão, como fluidos espirituais banhando todo o seu ser.

O impulso dessa energia destampa em nosso íntimo a lembrança da fé, da esperança, da solidariedade, do contentamento e do trabalho.

Por este motivo, banho e passe, conjugados, são uma magia divina ao alcance de nossas mãos. O chuveiro seria como um médium da água e esta o fluido que vivifica o corpo.

Poder-se-á vincular o banho ao passe, e ele poderá ser uma transfusão de energias eletromagnéticas, dependendo do modo pelo qual nós pensamos enquanto nos banhamos.

Uma mente ordenada na alta disciplina e pela concentração, em segundos, selecionará, em seu derredor, grande quantidade de magnetismo espiritual e os adicionará, pela vontade, na água que lhe serve de veículo de limpeza física, passando a ser útil na higiene psíquica.

Observem que, ao tomar banho, sentimo-nos comovidos, a ponto de nos tornarmos cantores!

E a alegria advinda da esperança nos chega da água, que é portadora dos fluidos espirituais, que lhes são ajustados por bênção do amor.

O lar é o nosso ninho acolhedor, e nele existem espíritos de grande elevação, cuja dedicação e carinho com a família nos mostrará como Deus é bom.

Essa assistência atinge, igualmente, as coisas materiais, desde a harmonização até o preparo das águas que nos servem.

Quantas doenças surgem e desaparecem sem que a própria família se conscientize disso? É a misericórdia do Senhor pelos emissários de Jesus, operando na dimensão oculta para os homens, e encarregados de assistir ao lar.

Eles colocam fluidos apropriados nas águas para o banho, e nas que bebemos. E, quando eles encontram disposições mentais favoráveis, alegram-se pela grande eficiência do trabalho.

Na hora das refeições, é sagrado e conveniente que as conversas sejam agradáveis e positivas.

No momento do banho, é preciso que ajudemos, com pensamentos nobres e orações, para que tenhamos mãos mais eficientes operando em nosso favor.

Se quisermos quantidade maior de oxigênio nitrogenado, basta pensarmos firmemente que estamos recebendo esses elementos, e a natureza nos dará isto, com abundância. 

É o "pedi e obtereis", do Cristo. E, com o tempo, estaremos mestres nessa operação que pode ser considerada uma alquimia.

A alegria tem também bases físicas.

Um corpo sadio nos proporcionará facilidades para expressar o amor.

Quando tomar o seu café pela manhã, tome convicto(a) de que está absorvendo, juntamente com os ingredientes materiais, a porção de fluidos curativos, de modo a desembaraçar todo o miasma pesado que impede o fluxo da força vital em seu corpo.

E sairá da mesa disposto(a) para o trabalho, como também para a vida.

Despeça-se de sua família com carinho e atenção, e deixe que vejam o brilho otimista nos seus olhos, de maneira a alegrar a todos que o amam; assim, eles lhe transmitirão as emoções que você mesmo despertou neles e isso lhe fará muito bem.

Lembre-se de que um copo de água que tome, onde quer que seja, pode ser tomado e sentido como um banho e passe internos.

Não se esqueça de bebê-lo com alegria e amor, lembrando com gratidão de Quem lhe deu essa água tão necessária, pois se ela vem rica de dons espirituais, aumentará a sua conexão com o divino poder interno.

É muito bom estar consciente a cada coisa que nos acontece e estar agradecido, se sentindo abençoado(a) e cheio(a) de amor.

A consciência, a gratidão e o amor são dois caminhos paralelos, que a felicidade percorre com alegria.

Pelo espírito de André Luiz

Nota: Vale acrescentar que também pode-se aplicar o autopasse debaixo da água do chuveiro. Na abertura dos trabalhos espirituais, importante pedir às equipes de limpeza a preparação e fluidificação da água dos bebedouros da casa, que auxiliarão na saúde de trabalhadores e assistidos. Conforme orientação do Dr. Emoto (das experiências dos cristais de água) também devemos demonstrar gratidão por todas as águas do planeta:

Água, Eu te amo
Água, Eu te agradeço
Água, Eu te respeito.

Fonte: http://www.curaeascensao.com.br

...
Leia Mais ►

18 de abr de 2013

Técnicas de Defesa Psíquica - Gnose


Neste texto passaremos algumas técnicas que podem ser utilizadas para o dia a dia. O estudante gnóstico e esoterista em geral podem utilizá-las sem nenhum temor a contra-indicações. 

Muito menos as pessoas que acham que nada sabem. Na verdade, só precisam exercitar-se nas práticas de Magia, nada mais. É como aprendermos a andar de bicicleta. As pessoas no início confundem as coisas, temem o que possa acontecer, temem o ridículo, o que os outros dirão etc.

Tudo isso são obstáculos que impedem o início de nossa vida interior. Outro obstáculo, antes de passarmos os exercícios, é a falta de constância nesses trabalhos. Como temos a pretensão de obter poderosos e efetivos resultados se nosso corpo e nossa psique não estão acostumados a fixar as energias cósmicas? Por muitíssimas encarnações (retornos mecânicos) estivemos com nosso corpo psíquico “enferrujado”.

Então, não podemos achar que meia dúzia de vezes já serão suficientes para obtermos resultados poderosos dentro do mundo do esoterismo prático. Portanto, mãos à obra, tire a poeira de seus ombros e fé em Deus. 

1º Exercício

Essa técnica serve para o dia a dia. Faça-a antes de ir trabalhar. Sente-se confortavelmente em sua cama ou no sofá. Concentre-se em seu coração, sinta-o palpitando por uns dois ou três minutos. Invoque a teu Espírito Divino, que é seu Pai Interno (ou, como queira, use o termo Mestre Interno. Nunca use a frase Eu Superior, pois tem conotações egoístas). Peça-lhe que, desde os Céus da Consciência Cósmica desça o Anjo da Guarda. Ele possui poderes terríveis, mágicos mesmo, e pode orientar você no dia-a-dia. Depois dessa súplica, vocalize o mantra AOM por 3 ou 7 vezes. E lembre-se do adágio árabe: “Confie em Deus e amarre seu camelo”.

2º Exercício

Este foi ensinado pelo mestre Gargha Kuichines, mestre dos mundos nirvânicos. Serve para nos proteger de ataques psíquicos noturnos. Sabe-se que no astral existem entidades que se encarregam de derrubar o estudante de esoterismo e fazê-lo voltar ao mundo profano, esquecendo-se de seu Deus Interior e do Caminho Iniciático. 

Deitado(a), você deve suplicar ajuda ao Pai Celestial. Peça-lhe para que envie seu Anjo Elemental, ou Intercessor Elemental. Em seguida, imagine um fio de luz verde saindo de seu umbigo. Visualize esse cordão verde rodear toda a sua cama, protegendo sua pessoa e, se desejar, seu cônjuge e também sua casa. Mentalize todo o ambiente de seu interesse sendo rodeado por esta proteção energética. Tenha certeza que seu intercessor fortalecerá essa envoltura com um poderoso fluido do mundo elemental.

Nós temos dois Anjos da Guarda. Um deles é justamente a Parte de nosso Ser Interior especialista em dominar as forças elementais da Natureza para nosso benefício espiritual. Nosso Intercessor Elemental nos ajudará nesta prática.

3º Exercício

Relaxe o corpo. Vocalize o mantra ARIO por pelo menos 7 vezes. Mentalize sua coluna vertebral como se fosse uma lâmpada fluorescente acesa, cheia de luz e força. Mentalize que essa luz se expande e sai de seu corpo, iluminando uma área não inferior a 5 metros de diâmetro. Invoque sua Divina Mãe Espiritual, aquele que criou seu espírito e sua alma. 

Ela é Deus, porém polarizado com a energia cósmica materna, feminina. Deus é Pai e Mãe ao mesmo tempo. Dentro de você, Ela reside em seu coração e manifesta seu Poder na coluna vertebral. Peça-lhe para que essa luz branca, alva, traga para você Força, Proteção, Iluminação e Prosperidade. O mantra ARIO deve ser vocalizado numa única respiração profunda. Assim: AAAARRRIIIIOOOOO…
Vocalize com força e concentração

4º Exercício

Se você gosta de trabalhar com a Magia das Flores, este é especial. Apesar de simples, é superefetivo. Vocalize um mantra de sua preferência, por exemplo o AOM, por algumas vezes… Invoque mentalmente o Anjo do Amor, cujo nome é Anael. Este anjo-menino é o “embaixador” das forças divinas que vêm de Vênus até nosso planeta. 

Ele canaliza a Força Maravilhosa do Amor. Invoque-o muitas vezes, com todo o coração, e peça-lhe, em nome do Cristo (sempre) que Ele crie uma proteção energética ao seu redor, para que você sempre atraia as energias amorosas das pessoas. Paralelamente a isso tudo, visualize-se rodeado (ou rodeada) com uma formosa guirlanda de rosas vermelhas, ao seu redor, na altura do umbigo.

5º Exercício

Tome um banho de folhas de arruda. Faça um litro de chá de arruda e logo depois do banho comum, jogue esse chá em seu corpo, da cabeça aos pés, e mentalmente ordene ao elemental da arruda para que livre seu corpo e sua alma de toda influência negativa vinda de qualquer lugar. Esse formoso elemental possui uma maravilhosa aura de cor amarela e pertence ao Raio do Fogo. 

Ele é cheio de poder para proteção psíquica, minimizar dores e mal-estares diversos. Ele tem o poder de penetrar em nossa Envoltura Áurica e queimar toda energia deletéria causada por enfermidades, fixações mentais e emoções negativas. Ele causa um grande alívio para quem sente dores gerais no corpo e na alma.

6º Exercício

Nos momentos difíceis de sua vida, invoque com todo coração e com toda alma ao poderoso mestre da Força, Samael Aun Weor. Invoque-o e peça-lhe ajuda, força, proteção e Paz Interior. Comunique-se com Ele mentalmente, com a Consciência, todos os dias, antes de deitar-se ou logo após acordar, quando sua consciência estiver ainda conectada com as energias do mundo astral. 

Invoque-o e vocalize o poderoso mantra do Raio de Marte: OM SEJA FORÇA várias vezes. E finalizando, vocalize o mantra AOM por 3 vezes. Tenha certeza que Ele te ajudará poderosamente, já que este Mestre é profundamente compassivo com nossas consciências.

7º Exercício

Para finalizar, sugerimos o poderoso exercício da Carta Astral. Para isso necessita-se de papel, caneta e um vareta acesa de incenso. Só isso. Ah, e muita fé também, é claro. Escreva uma carta a algum mestre de sua preferência. Sugerimos que de acordo com a necessidade, trabalhe com um mestre especialista. Diga nesta carta o que você mais deseja. De forma simples, sucinta e objetiva, sem enrolações nem subjetivismos. Finalmente, escreva seus agradecimentos sinceros por toda ajuda que puder receber e assine seu nome.

Em seguida, incense a carta, passe a fumaça do incenso por toda a carta, em todos os lados. Dobre bem a carta e coloque-a com a mão direita em seu coração. Peça a que seu Pai Interno leva esta carta ao mestre de nossa maior devoção. Em seguida, queime a carta. Isso mesmo, queime a carta, já que é a parte astral da mesma que será enviada e lida pelo mestre. Tenha certeza absoluta que o mestre em questão lerá a carta e, se for de acordo com a Lei divina, seu pedido será atendido.

Você pode suplicar proteção, cura, harmonia, prosperidade e Paz de Consciência. Ou aquilo que você mais necessitar. Lembre-se que não é delito algum pedir. Tenha cuidado para pedir aquilo que seu coração e sua consciência acharem justo e perfeito.

Fonte: http://www.gnosisonline.org

...
Leia Mais ►

7 de abr de 2013

Os 7 Estágios da Cura Emocional e a Fórmula da Compaixão



Como limpar as emoções negativas em seu corpo é um processo que a maioria de nós nunca foi ensinada a realizar. A sociedade não dá muita credibilidade a este trabalho. 

Conseqüentemente, quando tentamos limpar, por não sabermos os estágios pelos quais as pessoas passam para liberar emoções dolorosas, ficamos sem saber como sair do lugar. Para muitos, isto leva a um sentimento de frustração e simplesmente desistem. Mas, quando desistimos, pagamos um preço. Quando os conflitos permanecem irresolvidos, as emoções associadas a eles permanecem, criando um desequilíbrio energético no corpo a nível físico que nos leva às doenças. 

A nível mental, podem criar desordem bipolar e em alguns casos, depressão. No nível emocional, nos levam a tanto agir de formas destrutivas como a fúria, ou de forma dissimulada, usando comportamentos agressivos/passivos. Todas estas coisas são destrutivas para nosso relacionamento pessoal com nossa Criança Interior e nos nossos relacionamentos com os outros.

Os 7 Estágios da Cura Emocional são dados como um roteiro para auxiliá-los a navegar pelas fases de limpeza que cada pessoa experimentará a fim de curar total e completamente sofrimentos negativos associados a conflitos ou outros eventos negativos do organismo.

Os 7 Estágios

     1. Gatilho
     2. Identificar o gatilho através da raiva
     3. Projeção e acusação (culpar).
     4. Expressar e liberar raiva e dor
     5. Procurar e encontrar o espelho
     6. Possuir o espelho
     7. Limpar o espelho

1. Gatilho

Um gatilho acontece quando alguém viola um acordo ou ultrapassa um limite.

2. Identificando um gatilho através da raiva.

Uma vez apertado o gatilho, você reage com raiva ou, se não raiva, no mínimo, com um sentimento que alguma coisa não está certa.

Nota: Muitas pessoas ficam paralisadas aqui porque aprenderam a reprimir sua raiva imediatamente quando ela ocorre. Um exemplo seria dizer a si mesmo,"Oh, não vale a pena se incomodar com isto."

3. Projeção e acusação (culpar).

Se você está com raiva, a próxima coisa que faz é culpar alguém por isto. Chamamos isto de "projeção" porque você está colocando a culpa de sua dor em alguém mais.

Nota: Muitas pessoas projetam e culpam mas não ultrapassam este ponto e expressam isto para a pessoa com quem estão aborrecidas.

4. Expressar e liberar raiva e dor

Este é o passo em que você expressa sua indignação contra o acusado. Expressar pode assumir várias formas, dependendo da intensidade da violação e do gatilho. Violações brandas podem requerer apenas que se fale sobre o assunto. Grandes violações podem requerer falar-se sobre elas e alguns xingamentos para aliviar a dor e assim por diante.

Nota: Muitas pessoas param imediatamente após este passo porque elas acreditam que não se sentirão confortáveis e/ou elas não têm o direito de expressar sua raiva. Neste caso, sobrevém o comportamento passivo/agressivo, porque a raiva precisa ser liberada.

5. Procurar e encontrar o espelho

Uma vez a raiva tenha sido expressada, a lógica pode voltar. Agora, e apenas agora, você pode começar a descobrir como a situação foi co-criada por você. Começando com o Passo 1 até o 3 da Fórmula da Compaixão, você busca pela lição, contrato ou assunto que a outra pessoa está desempenhando.

Dica: Se você não for capaz de falar com seus guias para obter a informação necessária para encontrar o espelho, tente começar com o *Passo 4 da Fórmula

Pergunte-se, "Que medo a outra pessoa está expressando através de seu comportamento?" Uma vez você tenha percebido que medo é, pergunte então, "Que crença está desencadeando este medo?" Fazendo isto, você está traçando seu caminho de retorno para a crença que é a raiz de seu comportamento. Mantenha em mente esta regra. Crenças criam medos que interferem em nosso comportamento.

6. Possuir o espelho

O Passo 4 da Fórmula da Compaixão, é onde você reconhece o aspecto seu que a outra pessoa está refletindo de volta para você. É sempre um comportamento motivado pelo medo. No mesmo momento do reconhecimento, você será capaz também de perceber que você fez a mesma coisa que vem julgando aquela pessoa por fazer. 

Se você enxergar isto verdadeiramente, a raiva e a dor se transformarão rapidamente em empatia e tristeza porque você entende, de imediato, o medo que leva a ambos a ter aquele comportamento.

Nota: Você pode já ter completado este passo se usou a dica colocada no Passo 5.

7. Limpar o espelho

Os Passos de 5 a 9 da Formula da Compaixão são completados nesta fase.

Agora que você descobriu o medo que motivou seu comportamento, o próximo passo é perguntar-se, "Que crença disparou o gatilho deste comportamento?" Geralmente isto é uma crença profunda tal como, "Eu preciso ser perfeita a fim de ter o direito de existir." Uma vez tenha encontrado esta crença, agora você tem o dom; o reconhecimento da crença e a oportunidade de mudá-la.

Neste ponto acontece uma mudança súbita em seu corpo. A empatia e tristeza transformam-se em incrível apreciação e gratidão pela outra pessoa pois toda a raiva, dor e culpa são transmutadas. Neste momento você libera a outra pessoa total e completamente. Você então perdoa e valida o sofrimento da outra pessoa.

Passo 9 da Fórmula da Compaixão: Seu único pensamento agora é como agradecer a outra pessoa pela dádiva. Você faz isto agradecendo-lhe com um coração cheio de apreciação e gratidão. Elas sentirão isto. Uma vez completado, você limpou o espelho. O conflito passou e paz, amor e harmonia se restabelecem. 

Mas há uma compensação ainda maior, cada parte sente um enorme grau de confiança no relacionamento porque sabem que quando o conflito surge, cada parte fica para resolvê-lo e não foge.


A FÓRMULA DA COMPAIXÃO 
A PRIMEIRA CHAVE MULTIDIMENSIONAL DA COMPAIXÃO


A Fórmula da Compaixão é usada para mudá-los do Nível Um até o Nível Nove no processo de Recodificação, Reconexão e Ativação do DNA (Processo de RRA).

É também usado após vocês alcançarem a multidimensionalidade e para mantê-la.

A Fórmula lhes permite moverem-se através de um número suficiente de lições em seu Projeto de Vida para conquistar a freqüência necessária para a consciência plena. Em outras palavras, a Fórmula alivia a sua freqüência corporal a cada vez que vocês a usam para lidar com um conflito e integrar o medo envolvido na lição por trás do conflito.

As lições vêm a vocês sob a semelhança de conflitos. Eu percebi que eu não pude completar o processo de RRA sem a Fórmula porque a Fórmula me capacitou a remover as emoções negativas dos conflitos de meus corpos físico/emocional, movendo-os acima através do meu coração, para a parte superior do meu coração, transmutando-os lá em compaixão.

Outro benefício da Fórmula é a ativação das glândulas psíquicas adormecidas.

Cada vez que vocês usam a Fórmula vocês exercitam estas glândulas adormecidas. No momento em que vocês terminarem a ativação do DNA, estas glândulas estarão prontas para uso em tempo integral.

Sugestões para que se lembrem ao usarem a Fórmula da Compaixão:

Conscientizem-se dos sentimentos de sua situação, expressem-nos primeiro verbalmente e fisicamente, então comecem a Fórmula no problema. Senti-los e expressá-los fisicamente faz com que as emoções se ancorem através do Chacra Cardíaco e na parte Superior do Chacra Cardíaco, onde elas serão transmutadas e liberadas. Estas emoções de freqüência densa e inferior são estímulos que uma vez transmutadas na freqüência mais elevada da compaixão através da parte Superior do Coração (age como um incinerador), fluem através do seu corpo como uma liberação excitante, mudando o seu DNA ao mesmo tempo.

Vocês continuarão com este ciclo de criar velhos problemas assim como a lidar com novas lições ao usarem as Chaves da Compaixão até que tenham clarificado o suficiente para completar a religação das 12 fibras do seu DNA. 

Posteriormente, vocês continuarão a se purificar emocionalmente a fim de completar a ascensão, mas agora vocês terão o apoio das novas vias neurais e de seus padrões associados de comportamento saudável. A ascensão está presentemente planejada e foi completa em 2012. Agora vamos prosseguir com as nove etapas da Fórmula da Compaixão.

As nove etapas da Fórmula são como se seguem:

Etapa Um: Lição
Qual é a lição que eu queria aprender em relação a esta pessoa e o conflito que estamos experienciando?

Peçam ao seu Eu Superior/Alma, anjos ou guias espirituais para ajudá-los. Ela estará em seu projeto de vida. Seu projeto de vida é o seu roteiro através de sua existência presente. Ele contém todas as lições, contratos e eventos maiores para a sua existência presente, junto com as pessoas envolvidas.

Etapa Dois: Contrato
Qual é o contrato que eu fiz com esta pessoa?

Peçam que lhes seja mostrado o contrato que vocês fizeram para aprender esta lição. Se usarem a Fórmula para liberar um indivíduo, peçam pelo contrato que pertence a vocês e a esta pessoa. Há freqüentemente muitos contratos com muitas pessoas para aprender a mesma lição. 

A proporção de contratos para as lições varia, dependendo de quanto tempo e quantas existências vocês estiveram tentando aprender esta lição em particular. Quanto mais existências, mais contratos da existência presente para esta lição.

Lembrem-se de que ninguém concorda em fazer um contrato com vocês a menos que eles também, precisem aprender a mesma lição. Em alguns casos, a outra pessoa em seu contrato está lá para aprender o outro lado da lição.

Etapa Três: Papel
Qual é o papel que esta pessoa está desempenhando para expressar a sua parte do contrato?

Peçam para ver e compreender o papel que vocês desempenham e o papel que a outra pessoa está desempenhando no contrato. Peçam auxílio para compreender como os papéis parecem enquanto eles estão sendo desempenhados. Eu me visualizo em um palco como uma atriz e a outra pessoa como uma atriz/ator. Isto me ajuda a ver os papéis mais claramente, porque eu sou capaz de visualizar o seu comportamento como uma representação.

Etapa Quatro: Aspecto
Qual é o meu aspecto que esta pessoa está refletindo para mim?

Novamente peçam auxílio para ver e compreender o aspecto de vocês que a outra pessoa está refletindo para vocês. Elas são o seu espelho que reflete um aspecto de vocês através do seu comportamento. Eu sempre achei esta etapa como a mais difícil de tratar. Ela demanda uma honestidade própria brutal, mas vale a pena o esforço.

Algumas vezes, ao invés de refletirem um aspecto de seu comportamento, elas estão refletindo algo que vocês julgam. Um exemplo seria alguém que os roubam. Vocês podem não ser ladrões, mas podem estar julgando o furto ou as pessoas que roubam.

Etapa Cinco: Presente
Qual é o presente que esta pessoa está me dando ao desempenhar o seu papel?

Peçam ajuda assim vocês poderão ver e compreender o presente que a outra pessoa está lhes dando ao desempenhar o seu papel. O valor que eu mencionei anteriormente é o valor do presente, e o presente é a lição aprendida.

Verificação do Processo

Uma vez que vocês completaram as primeiras cinco etapas, deveriam estar sentindo um aumento de compaixão e de gratidão pela outra pessoa envolvida no conflito/contrato. Caso contrário voltem então na lição e recomecem.

Algumas vezes isto requer algumas tentativas antes que finalmente compreendamos a lição na qual estivemos trabalhando. Eu percebo que frequentemente sei que a compreendi quando tenho um sentimento terno em meu coração. Ele pode estar ligado a um sentimento forte de saber como um Ah Ha!

As quatro etapas finais são usadas para terminar de clarificar e liberar a negatividade/refugo emocional do corpo físico, fora da parte superior do chacra cardíaco.

Quando penso na parte superior do chacra cardíaco, eu visualizo um dispositivo invisível em forma de cone incluído em meu campo áurico. Ele se liga ao meu corpo físico logo acima do meu coração e abaixo da minha clavícula. Quando eu uso a Fórmula ele se abre, assim a energia/compaixão transmutada pode se mover através dele e para fora.

Compreendo que a parte superior do chacra cardíaco realiza a mesma função que o cólon/ânus e a bexiga/uretra no corpo físico. Ambos realizam funções de eliminação da matéria estragada/tóxica. A única diferença é que o sistema físico elimina a matéria física densa e a parte superior do chacra cardíaco elimina matéria etérea.

Etapa seis: Aceitação
Eu posso aceitar o papel que esta pessoa tem desempenhado, junto com as suas ações, para me ajudar a aprender esta lição?

A aceitação é um dos quatro elementos do amor incondicional. A aceitação é parte da compaixão e é o amor incondicional em ação. Isto também inclui a aceitação de quem é a pessoa, sem julgamento. Eu percebo que quando estou tendo um momento difícil com esta etapa, eu posso clarificá-la quando me lembro que eles são almas em um corpo como eu, e nós estamos nos ajudando com uma lição.

Etapa sete: Permissão
Eu posso me permitir deixar ir a minha raiva em relação a esta pessoa que desempenhou o papel para me ajudar a aprender a lição?

A permissão é também um dos quatro elementos do amor incondicional. A permissão é parte da compaixão e é o amor incondicional em ação. Isto inclui permitir às pessoas de ser quem elas são e de seguirem o seu caminho escolhido, independente de como vocês se sintam sobre isto.

Frequentemente, até eu alcançar esta etapa, eu acho muito fácil deixar ir a minha raiva em relação à pessoa porque eu estou sentindo a gratidão e a compaixão que vem ao ver a dor que eles sofreram ao desempenharem o seu papel por mim.

Um outro lembrete: A permissão é mais fácil de fazer quando deixamos ir a necessidade de controlar o comportamento ou as escolhas de alguém para seu próprio bem. Nós tendemos a controlar as pessoas sem o medo de que as suas ações os machuquem/ e ou a nós. Se compreendermos que tudo tem um valor, então poderemos começar a liberar a nossa necessidade de controlar porque compreenderemos que haverá um valor em todo e em cada resultado.

Etapa oito: Liberação
Eu posso liberar esta pessoa da culpa?

Esta é fácil quando vocês compreenderem que não são vítimas. Ao contrário, vocês são participantes ativos em um contrato e lição que vocês ajudaram a instituir.

Assumir a responsabilidade por sua parte no contrato os capacita a liberar a outra pessoa da culpa pelo papel que eles desempenharam para ajudá-los a aprender a lição que vocês queriam. Vocês compreendem que assim como não são vítimas, eles também não são os vilões. Devin, o meu guia da 9ª dimensão, me disse muitas vezes que é muito mais difícil desempenhar o papel de um vilão do que desempenhar o papel de um herói.

Liberar alguém da culpa é diferente do que perdoá-los. Perdoar alguém é o que fazemos quando sentimos que eles pecaram contra nós, quando somos sacrificados. A Liberação é o elemento chave na Fórmula. A liberação é criada através de sua compaixão pela outra pessoa.

Etapa nove: Benevolência
Agora que eu liberei esta pessoa, eu posso ser gentil com ele/ela, e se o for, como posso fazê-lo?

Neste ponto vocês deveriam estar sentindo a intensidade da liberação através da parte superior do coração. Eu acho que o grau do sentimento difere de acordo com a intensidade emocional do problema. Quanto mais sobrecarregado emocionalmente for o problema, mais intensa será a liberação.

Eu achei que esta etapa é a mais emocional. Eu estou plena de gratidão e compaixão quando alcanço esta etapa e meu único pensamento é como aperfeiçoar e lhes agradecer.

Agora que estão sentindo a gratidão e a compaixão, tendo liberado a outra pessoa da culpa e da raiva, e percebido que podem ser gentis com eles agora, vocês estarão prestes a terminar a Fórmula. As duas partes finais da Etapa Nove são:

a)      Como vocês mostrarão a sua benevolência, e
b)      Como vocês o farão?

Estas duas últimas partes são muito importantes e eu os encorajo a completá-las tão rapidamente quanto possível desde que o processo não estará completo até que vocês o façam. Uma carta ou um telefonema para a pessoa dizendo que vocês lhes agradecem pela lição que eles participaram. Eu acho que compartilhando a lição que aprendi deles percorremos um longo caminho na cura da dor que ambos sentimos.

Advertência: Não os levem a realizar a Fórmula. Eles não os compreenderão e frequentemente ficarão zangados e defensivos, a menos que conheçam a Fórmula também.

Mudando a Energia

Uma vez que completaram a Fórmula, então é o momento de fazer algo com o contrato. 

O contrato é energia como tudo o mais, assim vocês poderão mudar a sua forma em algo mais, como se estivesse trabalhando com o Lego.

Eu freqüentemente visualizo o contrato se dissolvendo em milhares de pedaços de energia de luz, e então eu envio esta energia para alguém que esteja doente para auxiliar em sua cura. Em outras ocasiões, eu o deposito em uma conta de energia que criei para manifestar um dos meus desejos como uma nova casa ou alguma coisa. Vocês também podem depositá-lo na conta de alguém mais para auxiliá-los a manifestar um dos seus desejos.

De qualquer maneira, isto é onde eu posso me divertir um pouco com o contrato e ser criativa. Um final positivo para uma lição dolorosa, não acham?

Eu espero que este resumo e as etapas da Fórmula da Compaixão os ajudem a fazer as escolhas apropriadas para vocês. 

Jelaila Starr
Conselho Nibiruano


Fonte: www.nibiruancouncil.com 

...
Leia Mais ►
Licença Creative Commons

Esta licença permite a redistribuição e o uso para fins comerciais e não comerciais,
contanto que a obra seja redistribuída sem modificações e completa,
e que os créditos sejam atribuídos ao autor
Creative Commons Atribuição-SemDerivações 4.0 Internacional